Skip to main content
O ursinho marrom
aprendendo-a-viver-em-sociedade
Idade 3-6 anos
Duração 3 minutos

Do que trata a série O ursinho marrom?

Todos os dias, em companhia de sua família e amigos, o pequeno urso marrom vive situações cotidianas, como ir ao parque, patinar, acompanhar sua mãe à loja ou ao campo. Nessas oportunidades, aprende valiosas lições de vida. Para este ursinho, cada atividade representa uma grande aventura e a chance de perceber tudo que é capaz de fazer e o quão importante é o mundo à sua volta.

Objetivos de aprendizado

Conhecer e compreender as características que nos fazem únicos e irrepetíveis, assim como nossas capacidades e limitações. Motiva as crianças a participar em diferentes atividades, nas quais aprendem e desenvolvem uma atitude pró-ativa para continuar experimentando e conhecendo.

Explorando o mundo

Aprendizados esperados nesta área

Observar as características do meio, concluindo e interpretando o que se vê.
Questionar e buscar soluções e respostas do mundo natural e social que nos cerca.
Distinguir e respeitar as expressões próprias da cultura.

Aprendendo a viver em sociedade

Aprendizados esperados nesta área

Reconhecer as próprias qualidades e capacidades, assim como as dos demais.
Desenvolver vínculos afetivos dentro e fora da família.
Aceitar os outros como são e aprender a valorizá-los.
Desenvolver segurança emocional.

Atividades

Carinhas

Objetivo

Enquanto escutam uma história na qual os personagens enfrentam diferentes situações, as crianças, usando as pedras, montarão caras com variadas expressões.

Materiais

Pedras de rio grandes, médias e pequenas;
Tinta acrílica;
Pincéis;
Canetas hidrográficas de tinta permanente;
Folhas de papel;
Contos.

Passo

Procurar um lugar cômodo para fazer a atividade. Lembrá-las de que usarão tinta e poderão sujar a superfície de trabalho.

Passo

Considerar que devido à tinta acrílica, o uso de aventais pode ser uma boa pedida para não se sujarem.

Passo

Explicar-lhes que em cada pedra vão pintar uma parte da cara (olhos, nariz, boca, orelhas, cabelo) com diferentes características.

Passo

Ex.: Em uma pedra, boca sorrindo; em outra, boca triste; na seguinte, um olho fechado; em outra, um nariz etc. Usar a imaginação e a criatividade.

Passo

Preparar algumas folhas com diferentes formas de caras, círculos, nuvens, etc.

Passo

Depois que as pedras estiverem secas, dizer que vão escutar uma história e construirão as caras dos personagens com elas.

Passo

Conforme escutam, devem colocar as pedras sobre as folhas com as formas de cara, conseguindo diferentes expressões.

Encerramento

Conversar sobre as diferentes caras e combinações. Peguntar: Qual foi a sua favorita e por quê? Qual foi a que menos gostou e por quê?